Outros Autores · Poema

Fotografia

O fotógrafo ensina a gente a ver
botando nossos olhos na janela
que leva a tiracolo – e nos revela
o que a rotina está sempre a esconder

o que a retina na pressa atropela
o que em paisagem passa a se perder
ou o que os olhos estão a verter
feito fonte que em fogo se congela

Salta o detalhe enfim pinçado e exposto
no ambiente vestido de luz onde
o ar respira e as coisas criam rosto

E em cada foto a nos olhar se expande
a fé de um amoroso deus maroto
da arte para um mundo radiante

Poeta:Domingues Pellegrini

Fotografia: Rita Marília

Poema

Anjo Preto

Na noite escura
Escura como breu
Eu
Escura
Em pura loucura.
 
Mas o anjo
Ah o anjo!
Branco, alvo
Longe.
 
No dia escuro
Eu, branca
O anjo, preto.
 
No pôr do sol
O sol
O sol e eu.

Fotógrafa: Rita Marília


#ritamariliats

**** participou do 10º concurso literário do Sinergia-SC 2019 e foi selecionado para compor a Antologia